Beneficiárias do Cartão CRIA recebem primeira parcela do auxílio financeiro mensal. -  Revista do Luiz

Ultimas

Teste Teste Teste



sábado, 20 de fevereiro de 2021

Beneficiárias do Cartão CRIA recebem primeira parcela do auxílio financeiro mensal.

 

Beneficiárias do Cartão CRIA recebem primeira parcela do auxílio financeiro mensal.

Recurso de R$ 100 por mês já atende a 9 mil famílias e alcançará 180 mil em todo o Estado; em Maceió, cadastramento tem início no próximo dia 22

 Beneficiárias do Cartão CRIA recebem primeira parcela do auxílio financeiro mensal

Mãe de duas crianças e no terceiro mês de gestação, Renata Ferreira Araújo abriu o sorriso quando foi à agência da Caixa Econômica Federal, no último dia 17, em São Miguel dos Campos, e constatou que havia R$ 100 a mais na conta. O valor era proveniente da primeira parcela do Cartão CRIA, investimento do Governo de Alagoas destinado à primeira infância. “Para mim foi até uma surpresa. Eu sabia que o programa havia sido lançado, mas não imaginava que ia ser pago tão rapidamente”, comemorou.


Mãe de duas crianças e no terceiro mês de gestação, Renata Ferreira Araújo abriu o sorriso quando foi à agência da Caixa Econômica Federal, no último dia 17, em São Miguel dos Campos, e constatou que havia R$ 100 a mais na conta. O valor era proveniente da primeira parcela do Cartão CRIA, investimento do Governo de Alagoas destinado à primeira infância. “Para mim foi até uma surpresa. Eu sabia que o programa havia sido lançado, mas não imaginava que ia ser pago tão rapidamente”, comemorou.

Os depósitos foram iniciados em 11 de fevereiro, quatro dias antes da data prevista originalmente. A informação é da Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades), responsável pela gestão do cartão. O recurso visa melhorar a qualidade nutricional em gestantes e crianças entre 0 e 6 anos de idade que vivem na pobreza ou extrema pobreza.

“Vai ajudar bastante para eu poder comprar as coisas para elas”, reconhece Renata. Ao lado do filho Ezequiel, 5, e da pequena Maitê Vitória, 2, a estudante planeja retornar à vida escolar com o fim da pandemia do novo coronavírus. “O meu filho mora com o pai e só fica comigo nos fins de semana. Com a vacinação, eu vou colocar Maitê numa creche para terminar os estudos”, revela.

Pensar no futuro é cuidar do presente. Eis o espírito do Programa CRIA – Criança Alagoana, iniciativa maior e mais abrangente a qual o cartão está inserido. Lançado oficialmente em 1º de fevereiro, o Cartão CRIA alcançou de maneira ágil e eficaz o objetivo da primeira fase: entregar 9 mil cartões com valor mensal de 100 reais para mães e gestantes em 101 municípios alagoanos. A meta final é atender 180 mil famílias ainda no primeiro semestre de 2021. É o maior programa de transferência de renda da história de Alagoas e o segundo maior do país.

Em Arapiraca, o amparo chega em boa hora. “As coisas aumentaram muito. Só um pacote pequeno de leite custa entre 6 e 8 reais. E não dá para passar nem três dias”, reclama Rafaela Maria dos Santos, 22 anos, que decidiu investir na compra da bebida láctea para a filha Ana Beatriz, 5. Portadora de síndrome por Zika vírus, a menina nasceu com microcefalia e paralisia. “É uma ajuda muito boa. Com os 100 reais, eu já posso comprar o leite dela”, aponta a dona de casa, segunda pessoa a receber o cartão diretamente das mãos do governador Renan Filho, durante o lançamento na cidade, no último dia 9 de fevereiro.

Calendário

A partir do próximo dia 22 de fevereiro, será a vez de Maceió iniciar o cadastramento das beneficiárias. A capital é a última a ingressar em função da capacitação das equipes que realizarão o registro nos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS).

Nas demais cidades de Alagoas, os novos cadastros para crianças acometidas por síndrome decorrente de Zika vírus e gestantes já começaram. O período para inserir novas crianças entre 0 e 2 anos tem início em 1º de abril, e para crianças de até 5 anos, no dia 1º de maio.

Em março, o calendário de pagamento passará a obedecer ao Número de Identificação Social (NIS) das usuárias. “Ao dia 15 de cada mês, o pagamento será efetuado para as pessoas com numeração final 1. No dia 16, para quem tiver a numeração final 2 e assim sucessivamente”, explica Daniela Gazzaneo, superintendente de Avaliação e Gestão da Informação da Seades.

Para a gestora, a contribuição conjunta e afinada entre todos os protagonistas tem sido fundamental para o sucesso inicial do programa. “É um momento novo, vamos acertando, mas o trabalho próximo entre Estado, municípios e Caixa Econômica vem dando o suporte para que as coisas fiquem ajustadas neste começo”, comenta.

(Redação com Agência Alagoas –

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
 Revista do Luiz

Revista do Luiz é uma fonte de Noticia e Moda para o Publico Brasileiro

Comments

3-comments

LATEST

3-latest-65px

Archive

Pesquisar este blog

Arquivo do blog

Follow us

Header Background

Header Background
Header Background Image. Ideal width 1600px with.

Popular Posts

Sections-BTLabels

Sports News

[Content Marketing][recentmag]
Footer Logo

SEARCH

Popular

SEARCH