Milena Bemfica, esposa do goleiro Jean, do São Paulo, publicou nas redes sociais, nesta quarta-feira, 18, vídeos em que o acusa de agressão.

Milena Bemfica, esposa do goleiro Jean, do São Paulo, publicou nas redes sociais, nesta quarta-feira, 18, vídeos em que o acusa de agressão.
milena bemfica

A moça, que postou as imagens no Instagram e depois apagou, apareceu com o rosto todo machucado e, em desabafo, relatou que foi agredida pelo jogador.
“Eu estou aqui, em Orlando [Estados Unidos], e olha o que Jean acabou de fazer comigo. Alguém me ajude. Jean acabou de me bater. Gente, socorro”, pediu ela nas gravações que foram salvas por internautas antes que ela deletasse.
Milena ainda pediu justiça: “Jean, goleiro do São Paulo. Olha o que ele fez comigo. Eu quero justiça”.
Em outra postagem, a esposa do goleiro posta uma foto que mostraria um diálogo com o jogador. Nele, Jean aparece dizendo que ela acabou com sua carreira.
Mais tarde, Milena voltou a se pronunciar, tentando tranquilizar as pessoas que lhe mandaram mensagens: “Meus amores, como tem muita gente preocupada comigo, e eu estou sem celular, eu estou em outro lugar… Já passou. Eu estou com as meninas, e está tudo bem. Depois eu vou me pronunciar. Tem muita gente falando comigo, e não tem como responder. Não tenho WhatsApp, estou incomunicável, mas está tudo bem”De acordo com o Globo Esporte, após a acusação, o clube cogita rescindir o contrato do jogador.
Ainda segundo a publicação, o São Paulo se pronunciou sobre o caso por nota oficial.
Nota Oficiai do São Paulo FC: 
“O São Paulo Futebol Clube informa que acompanha o caso envolvendo o atleta Jean Paulo Fernandes Filho e aguarda apuração dos fatos para definir as medidas cabíveis.
Em seus quase 90 anos de existência, o São Paulo construiu uma história pautada por princípios sólidos de conduta dentro e fora de campo, e não abre mão deles”.

Saiba como denunciar violência doméstica

Disque 180
O Disque-Denúncia foi criado pela Secretaria de Políticas para Mulheres (SPM). A denúncia é anônima e gratuita, disponível 24 horas, em todo o país. Os casos recebidos pela central são encaminhados ao Ministério Público.

Disque 100
O serviço pode ser considerado como “pronto-socorro” dos direitos humanos pois atende também graves situações de violações que acabaram de ocorrer ou que ainda estão em curso, acionando os órgãos competentes, possibilitando o flagrante. O Disque 100 funciona diariamente, 24 horas por dia, incluindo sábados, domingos e feriados.
As ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem gratuita, de qualquer terminal telefônico fixo ou móvel (celular), bastando discar 100.

Polícia Militar (190)

A vítima ou a testemunha pode procurar uma delegacia comum, onde deve ter prioridade no atendimento ou mesmo pedir ajuda por meio do telefone 190. Nesse caso, vai uma viatura da Polícia Militar até o local. Havendo flagrante da ameaça ou agressão, o homem é levado à delegacia, registra-se a ocorrência, ouve-se a vítima e as testemunhas. Na audiência de custódia, o juiz decide se ele ficará preso ou será posto em liberdade.

            "Em briga de marido e mulher se mete a colher sim, denuncie!!!"

POR: Iara Oliveira

Site Revista do Luiz

, , , ,